18 de junho de 2011

Habemus Governus

Na ressaca do anúncio do novo governo de Pedro Passos Coelho, só me ocorre dizer que o governo do Líbano é de longe muito mais interessante! Tem Maronitas, Druzes, Gregos, Arménios, Sunitas e Xiitas. Só o Hezbollah tem mais ministros do que o governo inteiro de PPC. Melhor: tem cá mais ministros carecas que o vosso governo inteiro. Tem dois primos Karamé que não se curtem nem um bocadinho. Um deles chama-se Fayçal e é casado com a Senhora Lama Diab(o).

E o melhor é que contrataram o Fernando Nobre para Ministro da Indústria, que pensou que bastava mudar o nome para passar despercebido…

Werj Sabounjian (alias Fernando Nobre)
 E os 30 imprescindíveis Ministérios são:

O Primeiro, o Vice-Primeiro, o de Estado, o de Estado para os Assuntos Parlamentares, o dos Trabalhos Públicos e Transportes, outro de Estado, o da Saúde, o das Financas, o de Estado para a Reforma Administrativa, o dos Assuntos Sociais, o da Energia e Recursos Hidráulicos, o da Agricultura, o do Trabalho, o do Turismo, outro de Estado, o dos Deslocados, outro de Estado, o do Ambiente, o da Defesa, o da Justiça, o dos Negócios Estrangeiros e Emigrantes, o da Economia e Comércio, o do Interior, o da Indústria, o da Informação, outro de Estado, o da Educação e do Ensino Superior, o da Cultura, o das Telecomunicações, e o da Juventude e do Desporto.

Será portanto certo que ao Ministro de Estado para a Reforma Administrativa não faltará trabalho!

Sem comentários:

Enviar um comentário